15.6 C
Caetité
16 janeiro 2022 / 07:14:03

A Rádio Educadora

SAIBA UM POUCO MAIS SOBRE A NOSSA HISTÓRIA

Aos quinze dias do mês de março de 1981 às 2h 45min, em um dos apartamentos do Centro de Treinamento de Líderes (CTL), entrava no ar pela primeira vez a Rádio Educadora Santana de Caetité, a qual, por iniciativa de Dom Eliseu Maria Gomes de Oliveira, então bispo de Caetité, que juntamente com o professor Francisco Hélio Negreiros, o empresário Manoel Cardoso Neves e monsenhor Adhemar Cardoso Neves fundaram a referida emissora cujo objetivo era o de evangelizar e contribuir com a formação da cidadania.

No ano de 1984 os estúdios passaram a funcionar no segundo andar do prédio Cine Teatro Pax e em 1987 o bispo de Caetité Dom Antônio Alberto Guimarães Resende criou a Fundação Cultural e Educacional Santana de Caetité – Entidade mantenedora da Rádio Educadora. Logo após um ano, o mesmo bispo fez um projeto ousado para modernizar os estúdios e aumentar a potência de 1 KW para 10 KW. Aprovado o projeto, adquiriu-se um novo transmissor de 10.000 watts, mas este só veio a operar com 5.000 watts, pois a outorga de funcionamento dava permissão apenas para essa potência.

Em 1994 os estúdios passaram a funcionar no primeiro andar do mesmo prédio, todos modernizados com equipamentos de primeira linha, sendo um estúdio de programação e outro de gravação. A Rádio ganhou uma cara nova, com programação diversificada de cunho jornalístico, religioso, musical e de entretenimento. Nesse mesmo período foi criado o Clube dos Sócios que passou a contribuir com a Fundação e por sua vez desempenha até hoje um papel social ajudando aos sócios com atendimento médico, descontos em anúncios, notas, bem como sendo homenageados no dia de aniversário.

No ano de 2004 a Rádio Educadora mudou a direção administrativa e o Padre Alex Adriano Rocha Barbosa assumiu os trabalhos da emissora com determinação e transparência. Mais uma vez pensando naquelas pessoas que moram nos lugares mais remotos da Diocese, e da região de Caetité, o então bispo Dom Ricardo Brusati juntamente com a Fundação decidiram pela compra de um transmissor com alta tecnologia, transistorizado de 6.000 Watts, com um som de boa qualidade e com baixo consumo de energia.

Novamente os estúdios foram equipados com computadores modernos de alta tecnologia e velocidade de processamento das informações, o departamento de jornalismo também recebeu novas máquinas possibilitando a melhoria na edição dos informativos. Criou-se uma sala própria da direção administrativa com gerenciamento, contabilidade relações públicas centralizado em um só local. A recepção da rádio também foi transferida para uma sala mais ampla, onde são feitos atendimentos ao público, anotações de avisos, notas e anúncios.

A Rádio Educadora filiou-se à Associação Brasileira de Rádio e Televisão – ABERT, reforçando ainda mais a parceira com a Rede Católica de Rádio – RCR e a fazer parte da UNDA/BRASIL, trazendo qualidade e profissionalismo em sua programação e cada vez mais tem si mostrado diferente através da inovação, honestidade, responsabilidade, da ética, da moral, do exemplo, da clareza, do compromisso social, do anúncio do evangelho, da imparcialidade.

Em 2007 o padre Osvaldino Alves Barbosa assumiu a direção da emissora, a qual mais uma vez passa por modificações em busca de melhorias. A rádio adquiriu uma unidade móvel de reportagem externa, criou um site com interatividade e modernidade, podendo as pessoas ouvir a mesma ao vivo em qualquer lugar do mundo a qualquer horário, novos equipamentos se tornaram uma realidade melhorando na qualidade e profissionalismo da rádio.

No ano de 2010 o funcionário mais antigo da Rádio, Marivaldo Junqueira assumiu a gerência administrativa da Emissora e juntamente com o Pe. Osvaldino Barbosa deu uma nova visibilidade à empresa. Novas parcerias foram estabelecidas e outras consolidadas tendo como objetivo principal engrandecimento da Educadora.

Em 2011 inauguração de estúdios modernos com a maior parte dos equipamentos em um espaço separado denominado de Engenharia Educadora.

O padre Paulo Henrique foi o sucessor do padre Osvaldino Barbosa como diretor da Rádio Educadora, assim como Luiz Alberto foi o sucessor de Marivaldo Junqueira como Gerente Administrativo da emissora. A posse foi em abril de 2014.

A aquisição de um carro novo em 2015 melhorou o serviço externo com a unidade móvel.

Olá! Clique no Contato abaixo e entraremos em contato com você o mais breve possível.

Clique para Participar WhatsApp